DCC - UFMG
+55 31 3409 5860
ciia-saude@dcc.ufmg.br

Fernanda Guilhon Simplicio


Fernanda Guilhon Simplicio

Universidade Federal do Amazonas


Pesquisador associado





Informações resumidas do Currículo Lattes


Currículo Lattes atualizado em 05/02/2021

Nome em citações bibliográficas: GUILHON-SIMPLICIO, F.;Guilhon-Simplicio, Fernanda


Formação acadêmica

Doutorado em BIODIVERSIDADE E BIOTECNOLOGIA - REDE BIONORTE na Universidade Federal do Amazonas em 2017
Doutorado em Farmaceutische Wetenschappen na University of Antwerp em 2017
Mestrado em Patologia Tropical na Universidade Federal do Amazonas em 2009
Graduado em Farmácia na Universidade Federal do Amazonas em 2006


Projetos de pesquisa em andamento

2018 a AtualAvaliação in vitro, in vivo e in silico da atividade antiplasmodial de novos derivados semissintéticos
A malária é uma doença infecciosa febril aguda causada por parasitos do gênero Plasmodium. Nas américas, mais de 120 milhões de pessoas correm risco de contrair malária em mais de 21 países, onde 70% das notificações são de malárias ocasionadas por P. vivax. A malária por P. vivax é transmitida endemicamente em todas as regiões do mundo sendo, portanto, um problema de saúde pública internacional significativo. Em laboratório, aspectos do ciclo de transmissão de Plamodium podem ser elucidados através da utilização de sangue contendo gametócitos doados por indivíduos naturalmente infectados. O sangue então é utilizado para infecções experimentais de mosquitos vetores através de alimentação por membrana, técnica que tem se mostrado eficiente e adequada para avaliar aspectos da interação entre Plasmodium e vetores e também para testar o efeito de novas moléculas no bloqueio de transmissão. A busca de novos compostos antimaláricos com importantes mecanismos para bloqueio de transmissão é imperativa, já que atualmente existe a resistência às drogas preconizadas no tratamento e dificuldades na criação de vacinas eficientes. Assim, a busca por novos compostos antipalúdicos, sintéticos ou naturais, é importante para impedir o desenvolvimento do parasito. Vários trabalhos têm mostrado sucesso no teste de novas drogas com o objetivo do bloqueio de transmissão em P. falciparum, entretanto há poucas pesquisas para a espécie P. vivax. O objetivo deste projeto é avaliar a atividade antimalárica in vitro, in vivo e in silico de novos compostos semi-sintéticos nas fases sexuadas e assexuadas de P. vivax assim como no bloqueio da transmissão. Os compostos semi-sintéticos a serem testados foram produzidos na Universidade Federal do Amazonas e apresentaram atividade inibitória de crescimento importante para Leishmania infantum, Trypanossoma cruzi e Trypanossoma brucei. Partindo desses achados, realizaremos um screening em culturas in vitro de estágios assexuados de P. falciparum e os compostos que apresentarem atividade contra estas espécies serão testados in vitro em formas assexuadas e sexuadas de P. vivax. Observaremos os potenciais efeitos das moléculas nos processos de exflagelação, no desenvolvimento dos oocinetos e na infectividade de P. vivax em mosquitos na presença dos compostos. Baseado na estrutura bidimensional da molécula através de bioinformática, serão preditos alvos moleculares com os quais nossos compostos possam interagir. Esperamos assim, determinar o potencial antimalárico destes compostos assim como, caso ativos, elucidar seus alvos moleculares, de forma a gerar novas moléculas que potencialmente possam ser utilizadas em estratégias para o controle e eliminação da malária por P. vivax.
Integrantes: Fernanda Guilhon-Simplicio (coordenador), EMERSON SILVA LIMA, Djane Clarys Baia da Silva, Wuelton Marcelo Monteiro, Stefanie Costa Pinto Lopes, Fabio Trindade Maranhão Costa, Gisely Cardoso de Melo, Paulo Filemon Paolucci Pimenta, Marcus Vinícius Guimarães de Lacerda, Macejane Ferreira de Souza, Camila Fabbri, Glenda Quaresma Ramos.
2018 a AtualAvaliação da atividade antiplasmodial e do bloqueio de tranmissão de novos compostos semissintéticos

Integrantes: Fernanda Guilhon-Simplicio (coordenador), EMERSON SILVA LIMA, Djane Clarys Baia da Silva, Wuelton Marcelo Monteiro, Stefanie Costa Pinto Lopes, Fabio Trindade Maranhão Costa, Paulo Filemon Paolucci Pimenta, Marcus Vinícius Guimarães de Lacerda.
2018 a AtualIsolamento de moléculas ativas da biodiversidade amazônica para o tratamento de doenças crônicas
Compostos naturais, em geral, não apresentam pKa, coeficiente de partição, entre outras características adequadas para aplicação como fármacos na sua forma original. Nesse sentido, o uso de estratégias clássicas de modificação molecular são essenciais para o aproveitamento do potencial biológico das moléculas naturais. Modificações moleculares de protótipo ativos tem sido a principal estratégia de inovação das indústrias farmacêuticas ao longo dos anos. É neste contexto que este projeto propõe o planejamento, síntese, caracterização avaliação da atividade farmacológica de novos derivados semissintéticos como novos candidatos a fármacos antidiabéticos, antiobesidade e antitumorais, auxiliados por análises in-silico e priorizando métodos verdes. Projeto aprovado no Edital nº 004/2018 - Programa de Apoio Estratégico ao Desenvolvimento Econômico-Ambiental de Estado de Amazonas ? Amazonas Estratégico
Integrantes: EMERSON SILVA LIMA (coordenador), Fernanda Guilhon-Simplicio, Marne Carvalho de Vasconcellos, Héctor Henrique Ferreira Koolen, Felipe Moura Araújo Silva, Rosivaldo dos Santo Borges.

Projetos de desenvolvimento em andamento

2018 a AtualPigmentos amazônicos para coloração capilar
Prospecção de novos ingredientes naturais que possam substituir substâncias sintéticas em tinturas para cabelo.
Integrantes: Fernanda Guilhon-Simplicio (coordenador), Livia da Rocha Fernandes, Sunmily Jenifer Leal de Oliveira.
2016 a AtualLip balm multifuncional a base de espécies amazônicas
O grande diferencial do produto concentra-se no desenvolvimento inédito da base multifuncional constituída exclusivamente de insumos vegetais amazônicos dotada de ação emoliente e fotoprotetora, não se limitando a simples incorporação ou adição de ativos naturais (manteiga de cacau, karité e/ou cupuaçu) já conhecidos em formulações bases de hidrantes labiais existentes no mercado deste segmento. Este projeto venceu o Edital Sinapse da Inovação - Operação Amazonas (2015)
Integrantes: Leidyana Moraes da Costa (coordenador), Fernanda Guilhon-Simplicio, Salomão Rocha Martim.
2012 a AtualBases inéditas para sabonetes a partir de frutos amazônicos
Propõe-se a elaboração de novas formulações de bases de sabonetes sólidos, partindo do beneficiamento do insumos amazônicos, especialmente frutos de baixo valor agregado, os quais serão associados a outros ingredientes de forma completamente inédita. O produto final não é "verde" pela simples adição de insumos vegetais a uma base industrializada, mas os insumos serão a matéria-prima principal que dará origem a cor, aroma e propriedades benéficas da formulação. Os produtos fabricados com essa tecnologia, pelo seu próprio conceito e origem da matéria-prima, possuem as propriedades hidratantes requeridas para esse tipo de produto, e podem agregar propriedades antibacteriana e fotoprotetora, fato atraente para um grande parcela de consumidores de sabonetes em barra. Dessa forma, os produtos propostos são inovadores na matéria-prima, na formulação, valorizam frutos amazônicos pouco conhecidos e o conhecimento tecnológico gerado por empreendedores locais. Este projeto venceu o Edital Sinapse da Inovação - Operação Amazonas (2015)
Integrantes: Fernanda Guilhon-Simplicio (coordenador), Leidyana Moraes da Costa, Salomão Rocha Martim.
Veja todos os projetos no Currículo Lattes

Últimas publicações

Artigos em periódicos

Dereplication and evaluation of the antinociceptive and anti-inflammatory activity of hydroethanolic extract of leaves from Campomanesia xanthocarpa O. Berg.
2020. NATURAL PRODUCT RESEARCH.
The selective obtaining of amyrins from Amazonian Protium oleoresins
2020. Revista Colombiana de Ciencias Quimico Farmaceuticas.
Synthesis, characterization and in vitro, in vivo and in silico anti-inflammatory studies of the novel hybrid based on ibuprofen and 3-hydroxy-copalic acid isolated from copaiba oil (Copaifera multijuga)
2019. JOURNAL OF THE BRAZILIAN CHEMICAL SOCIETY.
Chemical profile, toxicity, anticholinesterase and antimicrobial activities of essential oil from Hyptis dilatata leaves
2018. CHEMICAL ENGINEERING TRANSACTIONS.
Serviços farmacêuticos clínicos no Hospital Universitário Francisca Mendes (HUFM): compromisso contínuo com a segurança do paciente
2018. Experiências Exitosas de Farmacêuticos no SUS.
Chemical composition and antioxidant, antinociceptive and anti-inflammatory activities of four Amazonian Byrsonima species
2017. PHYTOTHERAPY RESEARCH.
Analgesic, anti-inflammatory and antioxidant activities of Byrsonima duckeana W. R. Anderson (Malpighiaceae)
2017. The Scientific World Journal.
Anti-inflammatory, anti-hyperalgesic, antiplatelet and antiulcer activities of Byrsonima japurensis A. Juss. (Malpighiaceae)
2012. Journal of Ethnopharmacology.
Aspectos químicos e farmacológicos de Byrsonima (Malpighiaceae)
2011. Química Nova (Impresso).

Trabalhos completos em congressos

Chemical profile, toxicity, anti-acetylcholinesterase and antimicrobial activities of essential oil from Hyptis dilatata Leaves
2018. 6th International Conference on Industrial Biotechnology.
Potencial farmacológico e tóxico de um extrato diclorometânico das folhas de Calyptranthes spruceana Berg. (Myrtaceae)
2010. XIX Jornada de Iniciação Científica do INPA. 1

Resumos expandidos em congressos

Ação dos extratos orgânicos de Protium hebetatum D. C. Daly contra micro-organismos de interesse médico
2013. 53o Congresso Brasileiro de Química.
Influência de fatores edafoclimáticos sobre parâmetros de controle de qualidade da casca do caule de Caesalpinea ferrea (Martius) var. ferrea
2011. 51o. Congresso Brasileiro de Química.
Atividades biológicas do extrato diclorometano de Calyptranthes spruceana Berg (Myrtaceae)
2011. 51o. Congresso Brasileiro de Química.

Resumos em congressos

Potencial antibacteriano de pimentas Capsicum amazzônicas
2019. II Congresso de Ciências Farmacêuticas do Amazonas.
Action of amyrins from Protium sp. (Burseraceae) on glycemi levels anda renal parenchyma of diabetic mice
2019. I Congresso de Biodiversidade e Biotecnologia da Amazônia.
Desenvolvimento de Máscara Facial calmante à base de frutos amazônicos
2019. I Congresso de Biodiversidade e Biotecnologia da Amazônia.
Avaliação do potencial antibacteriano dos óleos vegetais de Copaifera langsdorffii (Copaíba) e Mautiria flexuosal (Buriti) frente a bactéria Staphylococcus Epidermidis, principal causadora da Bromidrose plantar
2019. I Congresso de Biodiversidade e Biotecnologia da Amazônia.
Biocompostos amazônicos empregados no desenvolvimento de loções corporais
2019. I Congresso de Biodiversidade e Biotecnologia da Amazônia.
o. Congresso de Biodiversidade e Biotecnologia da Amazônia
2019. I Congresso de Biodiversidade e Biotecnologia da Amazônia.
Desenvolvimento de uma formulção demaquilante bifásico com base em produtos naturais
2019. I Congresso de Biodiversidade e Biotecnologia da Amazônia.
Avaliação do efeito sinérgico de compostos fenólicos em modelos in vitro de atividade antioxidante e anti-inflamatória
2019. II Congresso de Ciências Farmacêuticas do Amazonas.
Análise in silico de derivados do ácido p-cumárico como potenciais inibidores das metaloproteinases 2 e 9
2019. II Congresso de Ciências Farmacêuticas do Amazonas.
Desenvolvimento e caracterização físico, químico e biológica in vitro de nanopartículas poliméricas contendo α-β amirina
2019. II Congresso de Ciências Farmacêuticas do Amazonas - II CONCIFAM.
Teor de capsaicina em variedades amazônicas de Capsicum chinense Jacquin.
2018. I Congresso de Ciências Farmacêuticas do Amazonas.
Atividade antitirosinase do mulateiro amazônico (Callycophyllum spruceanum)
2018. I Congresso de Ciências Farmacêuticas do Amazonas.
Análise in silico de derivados do ácido p-cumárico como potenciais inibidores da tirosinase
2018. I Congresso de Ciências Farmacêuticas do Amazonas.
Atividade antibacteriana e citotóxica de variedades amazônicas de Capsicum chinense Jacquin.
2018. XXV Simpósio de Plantas Medicinais do Brasil.
Avaliação da atividade antiparasitária de derivados de fitocompostos in silico
2018. I Congresso de Ciências Farmacêuticas do Amazonas.
Caracterização do serviço de conciliação medicamentosa em um hospital universitário da cidade de Manaus - AM
2018. VI Fórum Internacional sobre Segurança do Paciente.
Traigem fitoquímica e avaliação do efeito fotoprotetor da semente do pequiá (Caryocar brasiliensis)
2018. XXV Simpósio de Plantas Medicinais do Brasil.
Avaliação do potencial fotoprotetor, citotóxico e constituintes de Curcubita maxima Duchesne, Curcubitaceae, o jerimum caboclo
2018. XXV Simpósio de Plantas Medicinais do Brasil.
Cuidado farmacêutico na ação da Cruz Vermelha Brasileira Amazonas na comunidade indígena Kokama na cidade de Manaus -AM
2018. I Congresso de Ciências Farmacêuticas do Amazonas.
Avaliação do desempenho do Camu-Camu (Myrciaria dubia (Kunth) McVaugh) como conservante natural para cosméticos?
2018. XXV Simpósio de Plantas Medicinais do Brasil.
Otimização da extração de vitamina C do camu-camu (Myrciaria dubia (H.B.K.) McVaugh)
2018. XXV Simpósio de Plantas Medicinais do Brasil.
Potencial antiglicante e fotoprotetor das cascas de Byrsonima garcibarrigae Cuatrec.
2018. XXV Simpósio de Plantas Medicinais do Brasil.
Triterpenos de Tontelea micrantha como possíveis inibidores da Na+,K+-ATPase
2018. XXV Simpósio de Plantas Medicinais do Brasil.
A conciliação medicamentosa na otimização da dispensação de medicamentos em uma farmácia hospitalar de Manaus-AM
2018. I Congresso de Ciências Farmacêuticas do Amazonas.
Estudo farmacológico da atividade antinociceptiva, anti-inflamatória e do mecanismo de ação da espécie Caryocar villosum (Piquiá) da região amazônica
2018. I Congresso de Ciências Farmacêuticas do Amazonas.
Frutos de Ficus guianensis: potencial biológico e perfil químico
2017. XVI Simpósio Latino-americano de Farmacognosia.
Pouteria caimito Radlk. (Abiuzeiro) inibe a alfa-glucosidase e lipase: possível fonte de novos antidiabéticos
2016. XXIV Simpósio de Plantas Medicinais do Brasil.
Quatro plantas medicinais amazônicas inibem a lipase pancreática
2016. VIII Simpósio Ibero-Americano de Plantas Medicinais.
Extratos vegetais amazônicos como adjuvantes de formulação fotoprotetora
2016. VIII Simpósio Ibero-Americano de Plantas Medicinais.
Triterpenos, sesquiterpenos e esteroides em frutos de Solanum sessifolium Dunal
2016. VIII Simpósio Ibero-Americano de Plantas Medicinais.

Veja todas as publicações no Currículo Lattes

Orientações em andamento

Mestrado

Carlos Klinger Rodrigues Serrão. Planejamento e síntese de derivados triterpênicos com atividade antileishmania. Início: 2018. Universidade Federal do Amazonas (Orientador principal)
Rhanna Victória Amaral da Silva. Planejamento e síntese de derivados do lapachol e ácido p-cumárico para o desenvolvimento de novos fármacos antimelanoma. Início: 2018. Universidade Federal do Amazonas (Orientador principal)

Doutorado

Pabllo Adelino Estevam Barbosa. Avaliação do efeito sinérgico de componentes do extrato aquoso de Byrsonima japurensis A. Juss. em modelos de doenças inflamatórias gastrointestinais. Início: 2019. Universidade Federal do Amazonas (Co orientador)
Tallita Marques Machado. Otimização da síntese, desenvolvimento e avaliação anticâncer de sistemas nanoestruturados contendo uma naftoquinona derivada da Lausona. Início: 2018. Universidade Federal do Amazonas (Co orientador)

Veja todas as orientações no Currículo Lattes